Escrito por em 22/02/2019 (atualização: 28/02/2019)

Antes de entender quais são os benefícios do chá de açafrão ou se ele ajuda no emagrecimento, é importante conhecer melhor essa especiaria. Em primeiro lugar, o nome científico desse produto natural é Curcuma longa.

Por essa razão, pode ser conhecida simplesmente por cúrcuma. No entanto, também pode ser chamada de açafrão da terra, açafrão da Índia e turmérico. Outro nome bastante atribuído a essa especiaria é gengibre amarelo, pois ele é uma raiz da mesma família que o gengibre.

E apesar de ser um produto pouco conhecido no Brasil, é utilizado há mais de 4 mil anos na Ásia. Tudo isso devido às propriedades medicinais encontradas nessa raiz. Atualmente, muitas pesquisas estão sendo desenvolvidas para explicar os efeitos positivos da cúrcuma.

A seguir, você entende quais são os efeitos benéficos dessa especiaria com base em estudos já elaborados. Também descobre como fazer o chá de açafrão, quais as possíveis combinações com esse produto e quais as contraindicações.

Chá de açafrão para emagrecer

O chá de açafrão consegue auxiliar o emagrecimento devido a ação anti-inflamatória que a raiz possui. Isso porque, essa propriedade é capaz de combater doenças crônicas relacionadas à obesidade e ao excesso de gordura dos tecidos. (1)

Chá de açafrão

O açafrão é uma raiz da mesma família que o gengibre (Foto: depositphotos)

“No estudo realizado por Rains et al. [150], os autores observaram que a cúrcuma tem efeitos imunomoduladores na obesidade e na resistência à insulina porque diminui as citocinas.” (1) Isso significa dizer que o organismo consegue ter uma resposta maior a esses problemas de saúde.

Assim, um corpo menos inflamado é um corpo mais propício ao emagrecimento saudável. Mas apesar desse benefício, é importante destacar que o chá em si não faz “milagre” no organismo. Por isso, é preciso muita atenção com relação à uma alimentação saudável e às práticas esportivas.

Qual benefício do açafrão?

Além de anti-inflamatório capaz de atuar no combate ao ganho de peso, o açafrão também é indicado para reduzir outros processos inflamatórios. Um deles é a inflamação do sistema respiratório.

Por essa razão, é uma especiaria que desempenha um papel importante no combate à asma. (1) Também é usada como expectorante, por isso contribui com o tratamento de tosses e bronquites crônicas. (2)

Outra atuação é o combate às inflamações que afetam as articulações. Nesse caso, o açafrão é benéfico para quem possui problemas como por exemplo o reumatismo e e a artrite. (1)

Mas além do efeito anti-inflamatório, a cúrcuma também atua em outras áreas do organismo. Acompanhe a seguir todos os benefícios proporcionados por essa especiaria:

Ação antioxidante

Por ser antioxidante, o açafrão consegue inibir a ação dos radicais livres, protegendo assim a saúde das células. Com isso, diminui o estresse oxidativo e previne o organismo contra doenças crônicas. (3)

Combate à doença neurológica

Existem muitas doenças neurológicas definidas pela própria Organização Mundial da Saúde (OMS), são elas: epilepsia, doença de Alzheimer (DA), doença de Parkinson (DP), enxaqueca, tumores cerebrais e distúrbios traumáticos do sistema nervoso.

Mas com a cúrcuma é possível diminuir a neuro-inflamação. Além disso, a especiaria também pode ser utilizada para atenuar déficits de memória espacial e outras desordens neurodegenerativas. (1)

Chá de açafrão para o fígado

Outro grande benefício do açafrão da terra é o seu efeito hepatoprotetor. Com isso, esse produto natural pode combater doenças que afetam a saúde e o funcionamento normal do fígado, como por exemplo o acúmulo de gordura no órgão responsável pela desintoxicação do sangue. (1)

Cúrcuma para depressão

Um dos componentes do açafrão é curcumina. Em estudo feito em 2013, ficou evidente uma forte atividade antidepressiva nessa mesma substância.

“Este estudo fornece a primeira evidência clínica de que a curcumina pode ser usada como uma modalidade eficaz e segura para o tratamento em pacientes com TDM [Transtorno Depressivo Maior] sem ideação suicida concomitante ou outros transtornos psicóticos.” (4)

Efeito antitumoral

“Descobriu-se que a curcumina suprime a iniciação, progressão e metástase de uma variedade de tumores.” Entre eles podem ser destacados os seguintes: dos sistemas reprodutivo, digestivo, linfático e imunológico, urinário, pulmonar, nervoso, esquelético e da pele. (5)

Previne problemas cardiovasculares

De acordo com a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas), as Doenças Cardiovasculares (DCV) são a principal causa de mortes no mundo. Isso significa dizer que mais pessoas morrem anualmente por essa causa do que por qualquer outra enfermidade. (6)

Por essa razão, quanto mais cuidados preventivos, mais o indivíduo pode desfrutar de uma melhor saúde cardiovascular. Nesse caso, entra em ação o açafrão que com a substância curcumina tem o poder de diminuir o colesterol ruim (LDL) e aumentar o bom (HDL). (1)

Como fazer o chá de açafrão em pó?

Agora se diante todos esses benefícios você deseja aproveitar do açafrão, a dica é preparar um chá com essa especiaria. Para isso, é preciso ferver 1 xícara de água e acrescentar 2 rodelas de açafrão ou 1 colher (de chá) do pó dessa especiaria.

Raiz de açafrão

O chá de açafrão pode ser feito com a raiz ou com o pó da especiaria (Foto: depositphotos)

Mexa os ingredientes e tampe a xícara. Aguarde que a infusão fique pronta depois de 10 minutos. Por fim, coe e beba logo em seguida.

Lembre-se que se o objetivo for emagrecer, você não deve adicionar nenhum tipo de adoçante, açúcar ou mel. Além disso, uma xícara por dia é o ideal para alcançar seus objetivos.

Chá de gengibre, limão e açafrão serve para que?

A mistura de açafrão, gengibre e limão é indicada para quem deseja ter uma melhor resposta no processo de emagrecimento. Com esse trio, é possível reduzir com mais eficácia os quilinhos extras.

Para fazer o chá, basta ferver 1 xícara de água filtrada. Em seguida, adicionar 1 colher (de chá) de açafrão em pó e a mesma quantidade de gengibre. Ou você pode colocar 2 pedaços de cada uma das especiarias.

Deixe o chá em infusão e assim que passar 10 minutos, acrescente o suco de meio limão. Mexa tudo e beba sem adicionar outros ingredientes. Uma xícara é a dose ideal por dia.

Outras utilizações do açafrão

Além do chá, o açafrão também pode ser utilizado em outras receitas como um tempero. Por exemplo, em sopas, tapiocas, preparo de carnes e cozidos, bolos e biscoitos.

Com isso, é importante lembrar que o açafrão possui um gosto levemente picante. Por essa razão, algumas pessoas podem não gostar do sabor. Nesses casos, uma dica interessante é adicionar o pozinho no suco.

Contraindicações da cúrcuma

Apesar de ainda não existir indícios de efeitos colaterais no consumo exacerbado de cúrcuma, é preciso cuidado na utilização dessa especiaria. Isso porque, nem todo mundo pode fazer uso indiscriminado desse produto.

Por exemplo, crianças, idosos, grávidas e lactantes não devem usar a cúrcuma sem uma prévia autorização médica. Seja pelo efeito emagrecedor ou de qualquer outro benefício do chá de açafrão.

Referências

1. MORAN, Mario Pulido; FERNANDEZ, Jorge Moreno; TORTOSA, Cesar Ramirez; TORTOSA, MCarmen Ramirez. ” Curcumina e Saúde”, 2016. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC6273481/. Acesso em 21 de fevereiro de 2019.
2. LAINETTI, Ricardo; BRITO, Nei R. S. “A saúde pelas plantas e ervas do mundo inteiro”. EDIOURO, 1980.
3. XU, Xiao-Yu; MENG, Xiao; LI, Sha; GAN, Ren-You; LI, Ya; LI, Hua-Bin. “Bioatividade, benefícios à saúde e mecanismos moleculares relacionados à curcumina: progresso atual, desafios e perspectivas”, 2018. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC6213156/. Acesso em 21 de fevereiro de 2019.
4. SANMUKHANI, J.; SATODIA, V.; TRIVEDI, J.; PATEL, T.; TIWARI, D.; PANCHAL, B.; GOEL A.; TRIPATHI, CB . “Eficácia e segurança da curcumina no transtorno depressivo maior: um estudo controlado randomizado“, 2014. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/23832433. Acesso em 21 de fevereiro de 2019.
5. SHANMUGAM, Muthu K.; GRISHMA, Rum; KANCHI, Madhu Mathi; FRANK, Arfuso de; CHINNATHAMBI, Arunachalam; ZAYED, M. E.; ALHARBI, Sulaiman Ali; TAN, Benny KH.; KUMAR, Alan Prem; SETHI, Gautam. “O papel mutifacetado da curcumina na prevenção e tratamento do câncer“, 2015. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC6272781/. Acesso em 21 de fevereiro de 2019.
6. Organização Pan-Americana da Saúde (Opas). “Doenças cardiovasculares“, 2017. Disponível em: https://www.paho.org/bra/index.php?option=com_content&view=article&id=5253:doencas-cardiovasculares&Itemid=1096. Acesso em 21 de fevereiro de 2019.

Sobre o autor

Jornalista (MTB-PE: 6750), formada em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo, pela UniFavip-DeVry, escreve artigos para os mais diversos veículos. Produz um conteúdo original, é atualizada com as noções de SEO e tem versatilidade na produção dos textos.