Escrito por em 17/05/2018 (atualização: 29/06/2018)

Você sabia que o chá de gengibre pode ser usado para curar tosse? Isso é possível devido as diversas propriedades que essa raiz apresenta. Uma delas é o poder expectorante, que atua acalmando a tosse.

Nesse sentido, é importante destacar que a forma mais viável de utilizar o gengibre é através do preparo do chá, mas, ele é tão poderoso e versátil que pode ser usado no preparo de muitas outras receitas medicinais.

Mesmo se tratando de um ingrediente natural, o mais viável é que o médico seja consultado. Isso dará ainda mais segurança na hora de incluir o chá de gengibre para acabar com a tosse.

Chá de gengibre cura tosse?

Essa é uma pergunta que é facilmente respondida quando se presta um pouco mais de atenção nas propriedades do gengibre. Trata-se de um ingrediente com ação anti-inflamatória e que pode ser usada para reforçar o sistema imunológico.

O chá de gengibre serve para curar tosse graças a sua ação anti-inflamatória

Além de acabar com a tosse, o chá de gengibre melhora a respiração (Foto: depositphotos)

No que se relaciona a tosse, levando em consideração esses dois benefícios, o gengibre ameniza os sintomas da mesma, acabando com as tosses secas e aquelas carregadas de catarro. Ele também melhora a respiração.

“O gengibre está entre as especiarias mais saudáveis do planeta. Rico em nutrientes, e possui compostos bioativos poderosos para o corpo. Através do gingerol, substância bioativa presente no gengibre fresco, pode ajudar a diminuir o risco de infecções”, afirma o médico Juliano Pimentel.

Quais chás de gengibre são bons para tosse?

Para potencializar o efeito dos chás que servem para tratar determinadas doenças, nesse caso, a tosse, misturá-los com outras ervas medicinais é bastante usual. No caso do chá de gengibre, essa indicação também é válida.

As receitas que serão apresentadas a seguir trazem esse diferencial. O gengibre aparece como ingrediente em destaque, porém, limão, canela, cebola, hortelã e outros, aparecem para reforçar os benefícios no combate a tosse.

Veja também: Chá de mandrágora americana é capaz de tratar desde tosse a problemas de pele

No que diz respeito a utilização do gengibre, vale a dica do médico Juliano Pimentel. “O gengibre é uma raiz de sabor forte que pode ser utilizada em chás ou em raspas adicionadas à água, sucos, iogurtes ou saladas”.

Receitas de chá de gengibre que curam a tosse

Depois de conhecer um pouco sobre os benefícios do chá de gengibre para tratar a tosse, agora chegou a hora de aprender algumas receitas de chás que podem ser preparadas a partir da sua utilização.

Chá de gengibre com limão

Talvez essa seja uma das receitas mais conhecidas quando o assunto se relaciona ao combate a tosse. Devido a grande quantidade de vitamina C existente no limão, ele reforça o sistema imunológico ao mesmo tempo que combate a gripe e a tosse.

Na receita desse chá, você vai precisar de 200 ml de água. Coloque-a para ferver junto com um centímetro de gengibre. Após cinco minutos, desligue o fogo e acrescente suco de um limão e uma colher (de café) de mel. Ingira a bebida ainda morna.

Chá de gengibre com canela

Esse tipo de chá pode ser usado na prevenção e tratamento de doenças respiratórias, tais como: gripes, resfriados e tosse. Essa combinação também possui o poder de estimular a circulação e combater a inflamação.

Para preparar o chá de gengibre com canela coloque um litro de água para ferver. Desligue em seguida e acrescente cinco centímetros de gengibre cortado e um pau de canela. Deixe descansar por 10 minutos, remova os ingredientes e ingira.

Chá de gengibre com cebola e mel

Essa variação do chá de gengibre possui propriedades expectorantes. Na prática, ela ajuda a eliminar o catarro e acalmar a tosse. Essa receita pode ser usada quando a tosse aparece junto a gripe ou resfriado.

Veja também: O chá de murta trata sinusite, tosse e bronquite. Veja mais benefícios

Para preparar esse chá, basta colocar 200 ml de água para ferver. Assim que desligar o fogo, acrescente cascas de uma cebola grande, um centímetro de gengibre picado e uma colher (de sopa) de mel. Deixe descansar por 10 minutos e beba ainda quente.

Chá de gengibre com equinácea

Devido as propriedades anti-histamínicas, a equinácea, considerada uma erva medicinal, ajuda a acalmar a tosse. Em combinação com o gengibre, esse efeito pode ser ainda mais potencializado.

No preparo do chá você vai colocar 200 ml de água para ferver. Quando atingir o ponto de ebulição, desligue o fogo e acrescente uma colher (de chá) de folhas de equinácea e um centímetro de gengibre. Deixe descansar por 10 minutos, antes de beber.

Quais os benefícios do gengibre?

Use chá de gengibre para curar tosse, combater infecções e perder peso

O chá de gengibre, além de tratar a tosse, também emagrece graças ao seu poder termogênico (Foto: depositphotos)

O gengibre é uma raiz de origem asiática. Ele é visto como um poderoso remédio natural, principalmente pela ação antibactericida. Dessa forma, ele pode ser usado no combate de vários problemas de saúde. Veja quais:

  • Reforça a imunidade;
  • Combate as náuseas;
  • Combate a dor muscular;
  • Reduz o açúcar no sangue;
  • Melhora a digestão dos alimentos;
  • Alivia as dores menstruais;
  • Ajuda na prevenção do câncer;
  • Faz bem para o cérebro;
  • Combate infecções;
  • Auxilia na perda de peso.

Depois de conhecer todos esses benefícios, agora chegou a hora de aprender um pouco mais sobre cada um deles. Na prática, isso vai ajudar a somar ainda mais conhecimento sobre a utilização do gengibre na medicina natural.

Reforça a imunidade

O gengibre é um ingrediente natural que possui o poder de estimular o sistema imunológico. Na prática, ele ajuda a evitar uma série de doenças, justamente por conter vitamina B6, magnésio, cobre, potássio e outros minerais.

Combate as náuseas

Devido ao poder antiemético, o gengibre consegue combater o enjoo. Ele pode ser usado após cirurgias, quimioterapia ou durante a gravidez. Neste último caso, o mais aconselhável é procurar o médico, pois pode trazer complicações.

Veja também: Confira 8 receitas de chás para acabar com o enjoo

Combate a dor muscular

Muitos profissionais da área de saúde acreditam que a propriedade anti-inflamatória do gengibre é a responsável por acabar com as dores musculares. Porém, esse é um processo progressivo, não imediato, como muita gente pensa.

Reduz o açúcar no sangue

O gingerol, que é responsável pela ação digestiva do gengibre, também controla os níveis de açúcar na corrente sanguínea. Isso contribui também para secreção de insulina, o que ajuda no controle da diabetes tipo 2.

Melhora a digestão dos alimentos

O gengibre é um ingrediente que, através das suas propriedades medicinais, auxilia na secreção da bile feita pela vesícula biliar. Esse benefício agrega ao gengibre o poder de processar melhor as gorduras dos alimentos, ajudando assim, no processo digestivo.

Alivia as dores menstruais

Através das propriedades anti-inflamatórias presentes no gengibre, as mulheres podem tratar as dores incômodas que aparecem durante o período menstrual. As cólicas são as mais comuns.

Ajuda na prevenção do câncer

Por meio de uma substância conhecida por 6-gingerol, o gengibre pode ser usado para prevenir alguns tipos de câncer, entre eles, o de cólon-retal. Ele impede a multiplicação das células, principalmente na região do intestino.

Faz bem para o cérebro

Os antioxidantes e compostos bioativos que estão presentes no gengibre podem inibir as respostas inflamatórias que ocorrem no cérebro. Isso faz com que doenças como Alzheimer seja evitada.

Veja também: Chá da oliveira combate o Alzheimer e a diabetes

Combate infecções

A presença de uma substância conhecida por gingerol, agrega ao gengibre o poder de diminuir os riscos de infecções. Entre as mais comuns estão as infecções que são desenvolvidas por bactérias na via oral, causadoras de doenças como a gengivite e periodontite.

Auxilia na perda de peso

Por acelerar o metabolismo, quando usado em consonância com uma dieta equilibrada e a inclusão de exercícios físicos, o gengibre estimula a queima de gordura corporal. Esse efeito se deve aos compostos 6-gingerol e 8-gingerol.

Causas da tosse

A tosse é um problema de saúde causado a partir de uma infecção. Na maioria dos casos, ela pode aparecer a partir da preexistência de uma outra doença, por isso é tão importante consultar o médico para identificá-la e tratá-la.

A partir de agora, conheça mais causas que podem ocasionar tosse:

Resfriado

O resfriado é proveniente de um processo infecioso causado pela ação de vírus. Essa é uma das principais causas do aparecimento de tosse nos pacientes. Esse processo também sofre consequências da baixa imunidade do corpo.

Veja também: Aprenda a fazer um poderoso chá para curar gripe e resfriado

Rinite e sinusite

Essas doenças são causada a partir da irritação das vias respiratórias. Um dos fatores que podem causar a tosse pode ser o frio, o que, dependendo do grau da rinite ou sinusite, provoca ainda mais irritação nas vias aéreas, acarretando na tosse.

Diversas doenças infecciosas

O desenvolvimento de doenças como pneumonia, tuberculose, coqueluche e difteria podem causar tosse nos paciente. Dependendo da doença e da gravidade que ela aparecer no paciente, a tosse pode ser intensificada.

Irritação nas vias respiratórias

Além de doenças como a rinite e sinusite, que causa a irritação das vias respiratórias, elas também podem ser afetadas por agentes externos, como o cigarro, por exemplo. Dependendo da sensibilidade do paciente, ela pode causar tosse.

Qual a diferença entre tosse comum e tosse alérgica

Quando a tosse aparece, nem sempre as pessoas prestam atenção no que pode ter a causado para que o tratamento seja mais eficaz. Sendo assim, em muitos casos, o paciente pode até prolongá-la por mais tempo.

Nem sempre o diagnóstico que diferencia a tosse comum da alérgica pode ser mais complicado do que se imagina. Tudo o que o paciente fez antes de contrair a tosse pode ser levado em consideração para diferenciá-la.

Nesse caso, o que vai ajudar muito o médico na hora da consulta é a boa memória do paciente em descrever parte da sua rotina, já que, tudo que ele faz durante o dia, por mais insignificante que possa parecer para ele, vai interferir no diagnóstico da tosse.

Veja também: O chá de camomila inglesa trata alergias

Para se livrar da tosse

Depois de ter lido esse artigo, certamente você conseguiu encontrar respostas para todos os seus questionamentos sobre a tosse. Na hora de procurar o médico, você já pode questioná-lo sobre a possibilidade de usar também remédios caseiros.

Vale lembrar que, apesar de se tratar de ingredientes com poderes curativos naturais, quando usado da forma errada ou a partir de uma condição específica de saúde, eles podem trazer problemas pontuais. Por isso, fique atento!