Escrito por em 10/04/2018 (atualização: 17/04/2018)

Você sabe qual o melhor chá para perder barriga? A natureza oferece uma série de plantas que, junto com suas propriedades, são capazes de auxiliar os pacientes a alcançar vários objetivos, um deles é eliminar as gordurinhas da barriga.

Difícil mesmo é encontrar uma pessoa, sobretudo do sexo feminino, que esteja satisfeita com a barriga. Por mais em forma que ela possa parecer, algumas sempre enxergam gordurinhas a mais que precisam ser eliminadas.

É importante lembrar que, mesmo sendo feito a partir da utilização de ingredientes naturais, tais como plantas e ervas, alguns chás podem causar problemas pontuais em alguns pacientes, sobretudo dependendo do organismo de cada um.

Por isso, o mais indicado é, antes de dar início ao tratamento com o chá para perder a barriga, o médico deve ser consultado. Além de viabilizar a utilização da bebida, ele também vai poder indicar a dose ideal, mediante seus objetivos.

Qual o melhor chá para perder barriga?

Chá verde, de hibisco e gengibre são tidos como os melhores chás para perder a barriga

Alguns chás têm o verdadeiro poder para secar barriga (Foto: depositphotos)

A partir da variedade de espécies que podem ser encontradas na natureza, reduzir a indicação do chá para secar a barriga para apenas uma receita é um tanto quanto complicado. Por isso, veja algumas receitas que farão você alcançar esse objetivo.

Muitas das ervas utilizadas, tais como: hibisco, chá verde, canela, erva mate já carregam em sua essência essa característica tão cobiçada pelas mulheres, que é fazer secar a barriga.

Chá verde com abacaxi

Ingredientes

  • 1 litro de água filtrada;
  • 20 gramas de chá verde;
  • 3 rodelas de abacaxi.

Modo de preparo

Coloque a água para ferver em uma panela com tampa. Assim que apresentar os primeiros sinais de fervura, desligue o fogo e acrescente o chá verde. Deixe a mistura descansar por 10 minutos, preservando a tampa da panela fechada.

Passado esse tempo, coloque o chá verde no liquidificador, seguido das rodelas de abacaxi. Bata bem. Por fim, passe toda a mistura por uma peneira e beba em seguida. A recomendação é tomar até quatro xícaras por dia.

Veja também: Suco detox com chá verde; veja benefícios e como fazer

Chá de hibisco

Ingredientes

  • 1 litro de água filtrada;
  • 2 colheres (de sopa) de hibisco.

Modo de preparo

Para prepara o chá de hibisco, coloque a água para ferver. Assim que estiver borbulhando, desligue o fogo. Logo em seguida, acrescente a quantidade de hibisco recomendada na receita.

Deixe a mistura descansar por cerca de 10 minutos. Ao fim desse tempo, use uma peneira para remover todo o hibisco utilizado no preparo do chá. Depois, é só ingerir. Não é recomendado o uso de açúcar, adoçante ou mel.

Veja também: Chá de hibisco com canela: Benefícios e como fazer

Chá de gengibre, cravo e canela

Ingredientes

  • 500 ml de água;
  • 10 cravos da índia;
  • 1 canela em pau;
  • Gengibre ralado a gosto.

Modo de preparo

Com ajuda de uma panela com tampa, leve a água para ferver. Assim que começar a borbulhar, acrescente o cravo e a canela. Deixe ferver por cinco minutos. Passado esse tempo, desligue o fogo e acrescente o gengibre ralado.

O passo seguinte no preparo do chá é deixar a mistura descansar por cinco minutos. Antes de ingerir, pegue uma peneira e passe toda a mistura por ela. A dica é ingerir o chá ainda quente e sem adoçar.

Veja também: Receitas de chás quentes e gelados feitos com gengibre

Chá de sálvia com louro

Ingredientes

  • 1 litro de água;
  • 5 folhas de louro;
  • 1 punhado de sálvia;
  • 1 canela em pau.

Modo de preparo

Leve a água ao fogo alto. Quando estiver prestes a ferver, acrescente a sálvia, o louro e a canela. Deixe fervendo por 15 minutos. Passado esse tempo, desligue o fogo e deixe a mistura descansar por 10 minutos.

O passo seguinte é usar uma peneira para remover todos os ingredientes utilizados no preparo. Feito isso, a bebida está pronta para ser ingerida. A recomendação é ingerir o chá ainda quente e sem adoçar.

Veja também: Chá de sálvia – Benefícios e propriedades

Outros chás para perder a barriga

Além dessas receitas um pouco mais elaboradas, outras ervas também cumprem o papel de eliminar a gordura da barriga. Veja uma lista com as principais delas, logo em seguida, uma receita que pode ser preparar com todas elas.

  • Chá verde
  • Chá branco
  • Erva mate
  • Hortelã
  • Camomila
  • Alecrim
  • Carqueja

Todas as ervas apresentadas são facilmente encontradas em feiras livres, lojas especializadas na venda de produtos naturais e até nos supermercados. Para preparar os chás, dê preferência a erva natural, evitando os saquinhos industrializados.

Para preparar o chá para perder a barriga a partir das ervas apresentadas anteriormente, basta colocar 200 ml de água para ferver. Assim que começar a entrar em ebulição, desligue o fogo e acrescente uma colher (de sopa) da erva escolhida.

Deixe a mistura descansar por cinco minutos. Passado esse tempo, basta utilizar uma peneira para remover toda erva utilizada. A recomendação é que a ingestão diária do chá preparado com as ervas citadas não exceda as três xícaras ao dia.

Veja também: Os melhores chás diuréticos

Como emagrecer com eficiência

Depois de conhecer a receita de alguns chás que atuarão diretamente na eliminação daquela gordurinha incômoda, agora chegou a hora de aprender mais alguns truques para acelerar o processo.

Antes de tudo, é bom que você saiba que, nenhuma das receitas apresentadas anteriormente faz milagre. Para que os resultados possam ser sentidos, é necessário que o paciente submeta a sua rotina a algumas adequações.

A primeira delas é organizar a sua alimentação. Essa é uma prática também recomendada pelos nutricionistas, como Juliana Dragone. “Fazendo a junção do chá como uma boa alimentação a perda será 10% da circunferência do abdômen”.

A ingestão de ingredientes naturais, tais como: fruta, legumes e verdura deve ser reforçada. Fora isso, a inclusão da prática de atividades físicas regulares também é uma boa pedida.

Mediante tudo o que foi apresentado até agora, se faz indispensável a consulta de um profissional que vai poder ajudar você a aderir essas mudanças. Até porque, tudo tem de ser feito com responsabilidade.

No que diz respeito a alimentação, a recomendação é que um nutricionista ou endocrinologista seja consultado. Já para adequar a sua rotina de exercícios, nada melhor do que um profissional da área de educação física.

Os benefícios das ervas emagrecedoras

Na maioria dos casos, as ervas que apresentam como benefício a possibilidade de ajudar o paciente a perder a barriga apresentam algumas substâncias que são essenciais no processo.

O chá verde e erva mate, por exemplo, possuem altas doses de cafeína. Ela ajuda a fazer com que o corpo trabalhe um pouco mais intensamente, sobretudo no que diz repeito a queima de gordura.

A grande maioria deles podem ser consumidos antes ou após as principais refeições, já que eles possuem ação inibidora do apetite e também auxiliam na digestão. No caso das ervas ricas em cafeína, a ingestão antes de dormir deve ser evitada, pois pode causar insônia.

“As ervas melhoram a digestão e afasta a insônia, ajuda a perder peso, diminui a retenção de líquido, reduz a ansiedade e o estresse, serve como calmante e, além disso, faz parte de uma dieta saudável”, diz a nutricionista Juliana Dragone.

Veja também: 20 opções de chás naturais para emagrecer

Já quando o chá contém ingredientes como o canela e o gengibre, por exemplo, o efeito termogênico será enfatizado. Ou seja, o corpo será induzido a promover a queima das gorduras.

“A canela e o gengibre têm a função de acelerar o metabolismo e ajudar a queimar as calorias. Além disso, ele dá energia e melhora a disposição para o dia a dia”, acrescenta Juliana.

Os chás com efeito diurético também são excelentes armas para lidar com o sobrepeso. Para tanto, é preciso ficar de olho na ingestão de água, já que o paciente que não tomar tais cuidados pode sofrer com a desidratação.

Nessa lista, o hibisco se destaca bem. “O hibisco tem a função de desinchar através da retenção de líquido e reduzir a gordura, pois ele combate os radicais livres e protege a pele contra o envelhecimento precoce”, finaliza Juliana.