Escrito por em 21/12/2017

A compulsão por comida, principalmente doces, pode estar relacionada ao sentimento de ansiedade. Não é para menos, 33% da população mundial é ansiosa, de acordo com dados da Organização Mundial da Saúde (OMS). E apesar de não ser um percentual tão alarmante, ele evidencia um crescimento desta tendência dentro da sociedade, tendo em vista que em 2013 chegava-se a 25%.

Trata-se, portanto, de uma cadeia de problemas que se desencadeiam. Inicia pela ansiedade, que leva ao paciente a apresentar compulsão por alimentos, situação que pode ocasionar em uma possível retenção de líquidos. Neste sentido, é indicado apostar em mecanismos que possam bloquear a raiz destes problemas, isto é, a ansiedade.

Para isso, o fitoterapeuta naturopata, André Resende, ensina a preparar um chá capaz de suprir todas estas dificuldades do organismo.

Eliminando a ansiedade e a compulsão por comidas e doces com chá

Um chá com mix de ervas pode controlar a compulsão alimentar

Atacar a geladeira de madrugada pode indicar ansiedade (Foto: depositphotos)

Estas ervas podem ser encontradas em supermercados, lojas de produtos naturais ou online e também em feiras municipais. Ao encontrá-las, porém, é importante ficar atento as suas composições, principalmente com relação as que já vêm embaladas. Existem vendedores que colocam outras partes da planta junto as folhas para deixar o pacote mais cheio.

Contudo, esta prática desqualifica as propriedades medicinais das plantas, que só são encontradas nas folhas destas ervas. Por esta razão, busque adquirir produtos com comerciantes de confiança e dê preferência as ervas que são empacotadas na hora da compra.

Veja também: Chá de camomila para ansiedade

Ingredientes

  • Um punhado de passiflora;
  • Um punhado de garcinia;
  • Um punhado de centella asiática;
  • Um punhado de phitolaca mexicana;
  • Um punhado de cavalinha
  • Um punhado de bugre;
  • Um punhado de oliveira folhas;
  • Um punhado de mulungu;
  • 1 litro de água.

Modo de preparo e consumo

Deixe a água ferver e quando entrar no processo de ebulição, desligue e adicione as ervas. Tampe o recipiente e deixe o chá em infusão por 20 minutos. Após o tempo determinado, coe o líquido e tome até quatro xícaras por dia.

Vale ressaltar a importância de respeitar os limites da dosagem para que o excesso não venha prejudicar o organismo de alguma forma.

Veja também: Chá de garcínia para controlar compulsão por comida