Publicado por Redação

A labirintite, também conhecida como otite interna, é uma doença do ouvido que afeta o labirinto e suas estruturas responsáveis pela audição e pelo equilíbrio.

Infecções e inflamações são as principais causas para a doença, como a otite média e o resfriado.

O tratamento para labirintite deve ser indicado por um otorrinolaringologista e, geralmente, envolve o repouso num local calmo e escuro, além da ingestão de líquidos, como água, chá ou sucos. Neste artigo, conheça uma receita de chá para labirintite do fitoterapeuta naturopata André Resende.

Sintomas da labirintite

Os sintomas da labirintite incluem tonturas, diminuição da audição, sensação de pressão dentro do ouvido, vertigens, dor de cabeça, queda de cabelo, enjoos e vômito, zumbidos no ouvido, febre acima de 38ºC e diminuição do equilíbrio e tontura.

Conheça uma incrível receita de chá para tratar labirintite

Foto: depositphotos

No caso de labirintite emocional, o indivíduo também pode apresentar ansiedade, estresse, preocupação, tristeza, choro fácil ou alterações do apetite.

Chá para tratar labirintite

A receita do fitoterapeuta naturopata André Resende contém flores de passiflora (flor do maracujá), crataegus, gingko biloba, verbena e dente de leão. Antes da receita, veremos os benefícios de cada um dos ingredientes deste remédio caseiro.

Benefícios da passiflora

A flor do maracujá, conhecida como passiflora, é rica em flavonoides, alcaloides e saparinas. Graças às suas propriedades, ela é capaz de agir no sistema nervoso central, relaxando as tensões musculares, diminuindo a pressão arterial e melhorando a respiração.

A passiflora atua como calmante natural e sedativo leve, controla a ansiedade, trata distúrbios do sono, melhora distúrbios gastrointestinais gerados pelo nervosismo e diminui a irritabilidade.

Benefícios do crataegus

O crataegus é utilizado como fitoterápico na prevenção da aterosclerose, redução do colesterol e problemas cardíacos.

Benefícios da gingko biloba

O extrato da gingko biloba é capaz de acabar com o zumbido do ouvido, porque irriga e oxigena melhor o labirinto. Além disso, a planta atua como uma substância estimulante ao cérebro, facilitando o fluxo sanguíneo cerebral, periférico e arterial.

Benefícios da verbena

Com propriedades calmante, sedativa e sudorífera, o chá de verbena é indicado para controlar a ansiedade, amenizar espasmos gastrointestinais e atuar no tratamento do reumatismo, da conjuntivite, febre, estomatite, faringite e sinusite.

Benefícios do dente de leão

O dente de leão melhora a saúde óssea, ajuda a controlar distúrbios no fígado, auxilia no tratamento da diabetes, é diurético e pode prevenir e tratar doenças de pele causadas por infecções microbianas ou fungos.

Receita de chá para labirintite

Confira a seguir a receita de chá do fitoterapeuta naturopata André Resende:

Ingredientes

– 1 punhado de folhas de passiflora;
– 1 punhado de crataegus;
– 1 punhado de gingko biloba;
– 1 punhado de verbena;
– 1 punhado de dente de leão;
– 1 litro de água.

Modo de preparo

Coloque 1 punhado de cada erva em 1 litro de água fervente. Tome uma xícara do chá, cinco vezes ao dia.

Veja mais!