Publicado por Redação

O alface é um alimento que possui muitas propriedades para a saúde. Quando consumido na forma de chá, ele é indicado para evitar e tratar diversos problemas como diabetes, insônia e até ajuda no processo de emagrecimento.

Nesse sentido, as pessoas ainda cultivam dúvidas em relação aos seus benefícios e também a forma com que a bebida é preparada. É importante destacar que a inclusão dela em qualquer tratamento deve ser supervisionada por um médico.

“O alface talvez seja uma das plantas mais comuns na mesa das pessoas no mundo inteiro. Você pode encontrá-lo facilmente no supermercado e pode até cultivar na sua casa”, afirma o biólogo e especialista em plantas Daniel Forjaz, do canal Autor da Própria Saúde.

Benefícios do chá de alface

O alface é uma verdura que está presente na alimentação das pessoas. Ele é rico em vitaminas dos complexos A, C, E e K, além do mais, ele também contém sais minerais como zinco, potássio, ferro e magnésio. Contém ainda betacaroteno, pectina e lactucina.

 

Devido a elevada quantidade de fibras, o chá de alface é indicado para regular o intestino

O alface é um alimento que possui baixo índice calórico (Foto: depositphotos)

Insônia

O alface é usado, popularmente, como calmante para facilitar o sono, para baixar a pressão arterial e em alguns casos até para problemas intestinais como a diarreia se utiliza o chá de alface”, indica Forjaz.

Cicatrização

No que diz respeito aos demais benefícios que o alface pode trazer para à saúde, ele ajuda a melhorar a visão, auxilia na eliminação dos radicais livres, além de ajudar no processo de cicatrização de algumas feridas.

Anemia

O chá preparado a partir da utilização da verdura ajuda na formação de células sanguíneas, o que resulta na prevenção dos casos de anemia. Em relação ao equilíbrio dos sais minerais importantes para o corpo, o alface é um alimento excelente.

Outros benefícios ligados ao alface são: contribui para o metabolismo de proteínas, gorduras e carboidratos; auxilia no bom funcionamento da musculatura e fortalece as vias respiratórias.

O alface também é ansiolítico. “Três estudos indianos mostraram que o chá do alface é um poderoso ansiolítico, podendo ser consumido também nos sucos verdes”, detalha Forjaz.

Veja também: Mais do que saladas! Quais vegetais são recomendados para fazer chás?

Diabetes

Já em relação a diabetes, a alface possui muitas propriedades. “Uma substância isolada do alface chamada lactuca chantina tem a capacidade de inibir o funcionamento de duas enzimas digestivas, uma delas é a amilase e a outra a glucosidase, que tem o poder de quebrar o açúcar durante a digestão”, explica.

Após essa quebra, o açúcar é absorvido pelo organismo. No caso do não funcionamento dessas enzimas, o açúcar não é quebrado e ele não é absorvido pelo intestino, não entrando na corrente sanguínea. “O alface tem uma importante ação para evitar a subida da glicemia após as refeições. Isso é um importante fator para controlar o diabetes tipo 2”, afirma Forjaz.

Chá de alface auxilia no emagrecimento

O alface é um alimento que possui baixo índice calórico. Ao mesmo tempo, os muitos nutrientes que aparecem em sua composição tornam o alface um alimento mais do que recomendado para preservar a saúde do ser humano.

Só para se ter ideia, 50 gramas de alface possuem menos de 10 calorias. Ele também possui elevada quantidade de fibras, o que é revertido pelo corpo em benefícios para a regulação do intestino.

Dessa forma, ele ajuda a evitar a prisão de ventre. No processo de emagrecimento, manter o intestino em pleno funcionamento representa excelentes ganhos. As fibras também promovem sensação de saciedade. Ou seja, você vai demorar mais tempo para sentir fome.

Veja tambémDê tchau a insônia tomando chá da cana de açúcar

Como preparar o chá de alface

Ingredientes

  • 1 litro de água filtrada;
  • 80 gramas de alface.

Modo de preparo

O primeiro passo para o preparo do chá de alface vem da escolha da verdura. De preferência ela tem de ser cultivada longe dos agrotóxicos. Antes de usar, lave bem o alface com água corrente em abundância.

Com as folhas do alface higienizadas, coloque a água para ferver em uma panela com tampa. Assim que começar a aborbulhar, desligue o fogo e acrescente as folhas do alface. Deixe a receita descansar por cinco minutos com a panela tampada.

Passado esse tempo, use uma peneira para remover o alface usado e a bebida estará pronta para ser ingerida. De acordo com especialistas, a recomendação é que a ingestão diária não ultrapasse as três xícaras.

Cuidados com a utilização do alface

Apesar do alface ser uma verdura não tóxica, indicada para ser inserida no consumo das pessoas, no que diz respeito aos tratamentos com o ingrediente, as pessoas devem prestar atenção. Essa alerta vale para aquelas que apresentam alguns problemas pontuais.

Como o chá de alface é indicado para baixar a pressão, quem já tem a pressão baixa, não deve fazer tratamento com ele. “Nesses casos, o alface vai baixar ainda mais a pressão arterial, sobretudo como tratamento médico. Já na alimentação ele pode ser consumido sem problema algum”, orienta Forjaz.

Veja tambémEspinhas nunca mais: chá de alface para se livrar das acnes

Quando utilizada continuamente por homens, a semente do alface tem o poder de reduzir potencialmente a produção de esperma, causando a infertilidade. “Sendo assim, se você está pensando em ter filhos, não faça tratamento com alface”, endossa o especialista em plantas.

É importante destacar que, quando o uso da semente do alface é suspensa pelo homem, com pouco tempo, a produção de esperma volta ao normal.

Para que o alface traga o efeito desejado para o organismo, é importante que o consumo da verdura seja feito de forma sequencial. “Se você quer uma mudança no organismo, você deve fazer o uso contínuo”, enfatiza Forjaz.

Veja mais!