Publicado por Natália Petrin
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp
  • Informar erro

Além de ser bastante famoso por seus poderes emagrecedores, quando consumido de forma regular, o chá verde ajuda ainda a diminuir os riscos de desenvolver câncer de pulmão em fumantes, assim como combater o avanço da doença, quando já existente. Essas informações foram divulgadas por um estudo da Chung Shan Medical University, com supervisão da pesquisadora I-Hsin Lin, em Taiwan.

Segundo ela, esses resultados foram bastante visíveis principalmente naqueles fumantes em que a genética não favorece o aparecimento do câncer. Para chegar a essa conclusão, o estudo analisou 340 pacientes saudáveis e 170 pacientes que tinham o diagnóstico de câncer pulmonar. Para o estudo, os pacientes descreveram os hábitos de fumo, de ingestão de chá verde e o estilo de vida nos últimos 5 anos que precederam a doença. Depois disso, foram submetidos ao teste de genótipo para identificação do risco de câncer.

Os participantes não-fumantes que não consumiam o chá verde, segundo o estudo, tiveram um risco cinco vezes maior de desenvolver câncer de pulmão quando comparados aos que consumiam, pelo menos, um copo de chá. Para os fumantes, o risco para aqueles que não consumiam o chá, o risco subia 13 vezes.

Chá verde: uma xícara ao dia auxilia no combate ao câncer de pulmão

Imagem: Pixabay

Benefícios do chá verde

Esse benefício é alcançado devido à presença de antioxidantes que ajudam a combater o desenvolvimento das células infectadas. Os antioxidantes presentes no chá verde também têm propriedades quimio-protetoras e demonstraram capacidade de inibir o crescimento das células de câncer, e, por isso, está associada ao risco reduzido do desenvolvimento do câncer de pulmão, do colo-retal, do estômago, de próstata, de mama, do fígado, da vesícula biliar, do pâncreas, do pulmão e do esôfago.

O chá verde conta ainda com propriedades antibacterianas e anti-inflamatórias, estimulando também o sistema imunológico. Feito com as folhas secas da camellia sinesis, o chá verde é bastante consumido na região da Ásia que, inclusive, é a área em que há menos pessoas doentes em todo o mundo.

Além disso, o chá verde atua no emagrecimento, melhora a saúde do coração, atua no combate ao envelhecimento precoce, previne a doença do Alzheimer e de Parkinson, regula o nível de glicose no corpo, reduz a pressão arterial, aumenta a densidade óssea, reduz a asma e o estresse e combate doenças hepáticas.

Melhorando o sabor da bebida

Como todos que já experimentaram o chá verde sabem, o sabor pode não ser exatamente o mais agradável. Por isso, algumas dicas correspondem a ferver junto com a água um pedaço da casca do abacaxi, limão ou qualquer fruta de sua preferência, ou ainda adicionar outras ervas, como a hortelã, por exemplo.

Veja mais!