Por Redação em 28/09/2018 (atualização: 31/10/2018)

Será que o chá seca barriga funciona? Se você já ouviu falar nesse tipo de chá, deve ter dúvidas se ele realmente é eficaz. Quem está na luta para perder peso, costuma contar com a ajuda desse tipo de chá para emagrecer mais rapidamente, principalmente para alisar a barriga e eliminar aquelas gordurinhas sobressalentes. Mas será que emagrece mesmo?

Antes de responder a essa pergunta, é preciso saber exatamente o que é seca barriga e o que significa esse termo. Essa é a denominação de uma grande variedade de chás que, devido as suas propriedades, prometem a rápida perda de peso e de medidas, principalmente da área do abdômen.

Neste artigo, você vai descobrir se eles realmente funcionam como o prometido e qual é a forma correta de utilizar os chás como coadjuvantes na manutenção de dietas e de um estilo de vida mais saudável. Você também vai receber orientações de como tomar e onde comprar.

Tomar chá seca barriga funciona mesmo?

Segundo a nutricionista e consultora em gastronomia e plantas medicinais, Leda Pinheiro, seria pouco credível dizer que esse tipo de chá funciona. “Emagrecer ou perder gordura localizada está estreitamente ligado a vários fatores; pois, cada organismo reage de uma maneira a certos alimentos, plantas e medicamentos”, explica.

Mulher tomando chá

Aposte nos chás diuréticos ou laxantes para esse fim (Foto: depositphotos)

Ainda de acordo com a profissional, não existe nenhum chá ou alimento milagroso, que só de consumi-lo, fará as pessoas emagrecerem. “É ilusão pensar o contrário. Em alguns casos, pode até acontecer, mas a custo da saúde e com um efeito apenas momentâneo”, reforça Leda.

Ela ensina que a melhor forma de emagrecer é a combinação de dois fatores: dieta de baixa caloria, adaptada à cada pessoa individualmente; e exercícios físicos realizados com assiduidade.

Entretanto, alguns chás diuréticos e laxantes podem ajudar. Mas, é importante frisar que eles só vão funcionar se forem aliados às circunstâncias combinadas ditas acima.

Veja também: 4 chás potentes para detonar a barriga saliente em poucos dias

Qual chá emagrece?

Conforme explicado por Leda, não existem produtos milagrosos, mas sim alternativas que podem facilitar o processo de emagrecimento. E, para isso, os melhores chás são aqueles que apresentam ação diurética, laxante e digestiva.

Alguns também podem ajudar a acelerar o metabolismo, a melhorar funcionamento do intestino e a evitar a retenção de líquidos.

Conheça algumas opções desses chás indicados pela nutricionista:

Chá de Cavalinha (Equisetum arvense)

Este chá deve ser feito com decocção. Coloque 1 colher (de sopa) da planta em uma xícara de água e deixe descansar por cerca de 2 horas. Em seguida, ferva a mistura em fogo brando por 10 minutos, deixando repousar por mais 10 minutos. Depois, é só coar e beber ligeiramente morno.

Leda indica tomar 2 xícaras por dia, não mais do que isso. “A cavalinha tem sido empregada não só como diurético, como também é mineralizante, rica em vitaminas, sendo útil também nos casos de anemia”, aponta a profissional.

Chá de Dente de Leão (Taraxacum officinale)

Para preparar, utilize 30g das folhas de dente de leão para 1 litro de água.  Ferva a água e coloque as folhas da planta, deixe em infusão por 10 minutos. Depois, coe e vá bebendo ao longo do dia.

Leda revela que essa erva é laxativa, também é usada para combater celulite e é ótima para compor saladas.

Chá de Espinheira Santa (Maytenus ilicifolia)

O chá de espinheira santa também deve ser feito por infusão. Utilize 1 colher (de sopa) para 1 xícara de água. Ferva a água e coloque as folhas da planta. Deixe descansar por 10 minutos, depois coe e beba até 3 xícaras por dia.

“Além de analgésica e desinfetante, essa erva é levemente laxativa e diurética. Também é muito utilizada para úlceras gástricas e duodenais”, diz a nutricionista.

Chá de Hibisco (Hibiscus sabdariffa)

Este chá é preparado com o cálice do botão seco, e não com aquela espécie de flor que, normalmente, se vê nos jardins. Para 1 xícara de água fervida, coloque 1 colher (de chá) cheia da flor seca. Tampe e deixe repousar por 5 minutos. Beba após as refeições.

O hibisco é antioxidante e tem sido muito utilizado atualmente. Porém, Leda conta que ainda não temos estudos suficientes que comprovem suas virtudes como seca barriga.

Água de Melissa (Melissa officinalis)

Para preparar a água de Melissa, use 75g de folhas e flores secas de melissa (mais conhecida como erva cidreira), 20g de camomila e 15g de hortelã. A receita deve ser feita por infusão. Ferva 300 ml de água e depois coloque as plantas e deixe descansar por 12 a 15 minutos. Coe e beba 3 xícaras ao longo do dia.

A água de melissa é considerada um excelente calmante natural, o que também pode ajudar no processo de emagrecimento. Ela controla a ansiedade, ajudando a diminuir a compulsão por comida. “É perfeita para manter o bom humor e a tranquilidade. Esta, com certeza, não tem contraindicação”, afirma Leda.

Veja também: Melhor chá para perder a barriga

Saiba onde comprar

É muito importante saber onde comprar as ervas. No caso de plantas frescas, Leda recomenda procurar pessoas de confiança que lidam com plantas, como feirantes ou mateiros, por exemplo, que já as comercializem há muito tempo. Em serras e cidades do interior é mais fácil de encontrar esse tipo de comerciante.

A outra opção é comprar as ervas secas em casas de produtos naturais ou farmácias de manipulação, locais mais fáceis de encontrar na cidade grande. “Não compre plantas medicinais, nas beiras de estradas e de pessoas desconhecidas”, orienta Leda. Também é bom evitar utilizar os famosos saquinhos de chá industrializados, que são vendidos aos montes em supermercados.

Chá seca barriga tem contraindicação, efeitos colaterais?

Para pessoas saudáveis, os efeitos colaterais, normalmente, só aparecem com o uso em excesso. Se consumidos da maneira correta e com orientação individual, esses chás não fazem mal para a saúde.

Entretanto, pessoas que possuem doenças crônicas, que tomam remédios controlados, mulheres grávidas, lactantes e crianças devem ter cuidado redobrado. Nesses casos, é imprescindível realizar uma consulta com um profissional de saúde antes de consumir qualquer tipo de chá.

Leda afirma que muitos outros chás diuréticos e laxantes podem provocar efeitos colaterais quando utilizados em excesso, o que normalmente acontece quando as pessoas não respeitam as doses recomendadas.

“Não devemos utilizar as plantas medicinais e outras que também são alimentos, achando que não nos farão mal. Por isso, insisto que sempre haja acompanhamento de um profissional que tenha comprovado o estado de saúde do interessado, através de exames e anamnese”, reforça.

Bebida dá diarreia?

Não podemos afirmar que os chás utilizados para auxiliar no processo de emagrecimento podem dar diarreia, pois apesar de serem usados para o mesmo objetivo, cada um deles tem propriedades diferentes. Além disso, também depende do organismo de cada pessoa e de como ela irá consumir os chás.

A recomendação geral é que pessoas que sofrem com distúrbios intestinais evitem os chás mais laxativos. Quem tem síndrome do intestino irritável, por exemplo, pode ter crises de diarreia e esses chás podem piorar o quadro. Porém, se a pessoa sofrer de prisão de ventre, Leda diz que os chás com efeito laxante podem ajudar nesse caso.

“Um dos chás laxativos é o já citado dente de leão. Tem também o chá de Sene, que deve ser utilizado com muito cuidado, pois além de laxativo é purgante. Não tome esses chás por mais de 10 dias e nem exagere na quantidade das ervas ao prepará-los. Também não devem ser usados por crianças, mulheres grávidas, e em casos de colite”, alerta a especialista.

Portanto, é preciso avaliar cada caso. O ideal é sempre se consultar com um médico antes de fazer uso regular dos chás seca barriga.

Veja também: Aprenda a fazer o chá ‘detonador’ de barriga

Emagreça com saúde

Se você acha que o chá seca barriga funciona e quer usá-lo, tenha em mente que ele não é a única solução para o emagrecimento e, muito menos, para o sonho de alisar a barriga. É preciso cuidar do seu corpo de diversas formas. Tenha uma alimentação balanceada, consuma frutas, verduras e legumes e evite alimentos gordurosos, industrializados e com açúcar em sua composição.

Inclusive, evite adoçar os chás, dê preferência para o consumo de chás sem açúcar ou, pelo menos, adoçados com mel em pouca quantidade. E, obviamente, pratique exercícios físicos e diga não o sedentarismo, ele é um dos maiores responsáveis por aquela barriguinha saliente.

Portanto, você pode até consumir chá para emagrecer, mas não deixe de ter hábitos saudáveis, isso é o mais importante.