Escrito por em 26/06/2017 (atualização: 23/09/2018)

Quando pensamos em receita composta com ingredientes naturais, automaticamente associamos a algo sempre benéfico à saúde humana. É o caso dos chás!

Geralmente feitos a partir da utilização das folhas, flores, cascas, frutos, raízes e demais partes das plantas, é difícil imaginarmos que esse tipo de bebida nos faça mal. Ao contrário, temos a crença que os chás só fazem bem! Infelizmente, isso não é de todo certo.

Vai depender muito da quantidade ingerida, como também das circunstâncias em que a pessoa se encontra. A exemplo disso temos as gestantes e o chá de canela. Algumas pessoas defendem a tese que esse chá é abortivo. Mas seria mesmo?

Tire essa e outras dúvidas e aproveite para conhecer um pouco mais sobre o chá de canela e o seus benefícios.

Benefícios do chá de canela

Chá de canela: é verdade que ele é abortivo? Descubra

Foto: depositphotos

De origem asiática, mais precisamente do Sri Lanka, a canela é a parte interna do caule de uma árvore que pode chegar a ter 15 metros de altura. Apesar de ser uma especiaria apreciada por muitos, o chá não é popular somente por seu sabor, mas sim pela grande quantidade de benefícios que suas substâncias agregam para o organismo.

Tomar chá de canela regularmente proporciona para quem o ingere:

  • Melhora na digestão;
  • Redução no nível do ‘mau’ colesterol;
  • Estabilização das taxas de insulina;
  • Aceleração na queima de gordura;
  • Ameniza dores;
  • Combate inflamações;
  • Ajudam a pele e o cabelo a ficarem mais macios;
  • Combate doenças do trato respiratório.

O chá de canela é abortivo?

Não existe nenhum laudo afirmando que a bebida possui potencial abortivo, mas o seu consumo durante a gravidez ou até mesmo para aquelas que desejam engravidar, é desaconselhado por nutricionistas, obstetras e até mesmo pela ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).

A canela possui propriedades que estimulam a circulação sanguínea, fazendo com que a pressão arterial aumente e consequentemente estimule contrações musculares por todo o corpo, o que inclui a região uterina da mulher, o que pode provocar o aborto.

Curiosidade: A canela em pó é melhor que a canela em pau?

Muitos defendem que a canela, em sua versão em pó é mais nutritiva do que a in natura, por achar que se trata de um concentrado, mas isso não passa de um mito. A única diferença de uma para a outra se dá pelo fato da canela em pau concentrar mais sabor e aroma do que a versão moída.